logo

Sumirá em 20 segundos

Artigos & Colunas

Fundos imobiliários

Fugindo da inflação com fundos imobiliários

Investir em ativos reais, como imóveis, tendem a mitigar o impacto da inflação no orçamento do cidadão comum

 
 
 

No dia 21/07/2021, tive a oportunidade de acompanhar um evento promovido pela XP Investimentos aqui em Teresina, a convite do site Piauí Negócios.

Resumo do evento: https://www.pinegocios.com.br/noticia/787-XP:-agronegocio-mantera-crescimento-do-Piaui-acima-da-media-do-Brasil

Na ocasião, entre tantos outros assuntos abordados, os palestrantes destacaram algumas informações bem interessantes, que nos mostram como a Bolsa de Valores e, em especial, o mercado de fundos imobiliários, estão próximos da realidade do cidadão comum, não sendo um “mundo” fechado para executivos ou profissionais do mercado financeiro.

Para não me estender muito, vou focar este texto apenas no tema “inflação”.

Segundo Caio Megale, economista-chefe na XP, “se existe um risco na retomada da economia global, é o risco inflacionário e uma boa forma de se proteger contra a inflação, é investir em ativos reais, portanto, imóveis”.

De fato, a inflação vem aumentando bastante nos últimos meses, enquanto o investimento em imóveis (que os investidores podem acessar via fundos imobiliários), historicamente conseguem render acima da inflação, como mostra o gráfico abaixo, que compara o IFIX, principal índice de fundos imobiliários, com os principais índices de inflação (IPCA e IGP-M), de 01/01/2011 a 15/07/2021:

 

 

 

 

Logo, o cidadão comum, que tem notado o aumento dos preços dos produtos e serviços que consome, pode se valer da Bolsa de Valores, e dos fundos imobiliários, para tentar diminuir o impacto da inflação no seu orçamento.

Vale lembrar que investimentos mais tradicionais, como a poupança, não conseguem superar a inflação há vários meses. O gráfico abaixo mostra que, desde setembro de 2020, o retorno real (rendimento menos a inflação) é negativo:

 

 

O que significa isso, na prática? Com retorno real negativo, você perde dinheiro ao deixar seus recursos aplicados na poupança, sendo necessário procurar outras opções para rentabilizar melhor as suas economias.

Então, se você viu esses dados aqui na nossa coluna no site PIAUÍ NEGÓCIOS, e quiser saber um pouco mais sobre os fundos imobiliários, dá uma olhada no meu livro Noções Básicas de Fundos Imobiliários, que está disponível na Amazon: https://amzn.to/3k6qDAd.

Siga o Piauí Negócios nas redes sociais

FACEBOOK

👉🏾 https://www.facebook.com/pinegocios

INSTAGRAM

👉🏾 https://www.instagram.com/pinegocios

 TWITTER  

👉🏾 https://twitter.com/@negociospiaui

LINkEDIN

👉🏾 https://www.linkedin.com/company/piauí-negócios/

Fonte: João Ricardo Imperes - investidor

Mais de Artigos & Colunas