Indústria

Investimento

Ambev quer produzir cerveja à base de caju no Piauí

O projeto da multinacional é comprar a matéria-prima de agricultores familiares

 
Caju é uma fruta típica do Piauí e do Nordeste (Foto: Embrapa)

 Caju é uma fruta típica do Piauí e do Nordeste (Foto: Embrapa)

 
 

A multinacional Ambev planeja fabricar uma cerveja feita à base do caju, fruta típica do Piauí, que possui a segunda maior produção do Brasil. A proposta da cervejaria é criar um sabor regional no estado, a exemplo que já realiza nos estados do Ceará e Maranhão, onde produz cerveja à base de mandioca. Além disso, a empresa quer comprar a matéria-prima dos agricultores familiares, para gerar renda no sertão.

 

O projeto tá está bastante adiantado. Técnicos da Ambev já visitaram alguns fornecedores em potencial nos municípios de Itaueira, Canto do Buriti, Picos, Monsenhor Hipólito e Pio IX, todos no semiárido.

 

Embora ainda não haja uma data para início da produção nem o valor do investimento, a cervejaria adiantou previsão de compra. “A expectativa é adquirir inicialmente cem toneladas de caju e, num segundo momento, mais 200 toneladas. Avaliamos que será muito bom para o Estado, principalmente para o pequeno agricultor”, afirmou o diretor de Relações Corporativas da empresa, Thiago Pereira.

 

Na semana passada, Pereira esteve reunido, por videoconferência, com o secretário de Estado da Agricultura Familiar, Herbert Buenos Aires, e integrantes da Câmara Setorial da Cajucultura. “A proposta é que toda a cadeia de fornecedores seja do Piauí, com exceção de algum produto que realmente não seja produzido aqui”, destacou Buenos Aires.

 

Videoconferência realizada na semana passada com integrantes da Ambev e Governo do Piauí (Foto: divulgação)

 

Segundo o presidente da Ambev, Jean Jereissati Neto, a empresa está apostando muito em inovação e regionalismo e dentro dessa estratégia, elegeu o Piauí como um lugar onde queremos desenvolver um produto de piauiense para piauiense feito com a receita local com a cadeia de abastecimento 100% local.  

 

Ainda de acordo com Jereissati, o nome do produto deve refletir a alma do piauiense. “Ainda não temos um nome, mas temos muita vontade de poder ter um produto que represente a alma do piauiense”, explicou o presidente.

 

A Ambev é a maior fabricante de cerveja e refrigerantes da América Latina, com sede em São Paulo e várias fábricas no Brasil, inclusive no Piauí.  A multinacional lucrou R$ 12,1 bilhões em 2019.

 

 

Siga o Piauí Negócios nas redes sociais

FACEBOOK

👉🏾 https://www.facebook.com/pinegocios

INSTAGRAM

👉🏾 https://www.instagram.com/pinegocios

 TWITTER  

👉🏾 https://twitter.com/@negociospiaui

LINDEKDIN

👉🏾 https://www.linkedin.com/company/piauí-negócios/

YOU TUBE

👉🏾 https://www.youtube.com/channel/UCqRed2t13tL6AreY3vMcAwA

Fonte: Governo do Piauí

Mais de Indústria